processo-de-derretimento-do-metal-para-prepara-a-liga
Liga e fundição do ouro sendo feita para que possa ser trabalhado.

Você sabia que o ouro puro é conhecido como tendo 24 quilates (ou 1000) e que em uma joia de ouro 18 quilates (ou 750) significa que ela possui 75% de ouro e 25% de liga?

A maioria das pessoas não sabe porque os joalheiros usam liga nos metais. O motivo é que tanto a prata quanto o ouro em seu estado puro são metais extremamente moles e maleáveis. A liga possibilita que os joalheiros trabalhem estes metais preciosos de forma que possam ser moldados, mas que se tornem consistentes.

A liga nos metais garante a durabilidade da joia já que os metais sendo extremamente moles perderiam a sua forma, as pedras se soltariam e seu uso seria inviabilizado.

Além de dar a dureza desejada, no caso do ouro, a liga também é usada para determinar a sua cor: ouro amarelo (tradicional), branco, palha (um amarelo mais suave), vermelho, entre outras tonalidades menos conhecidas.

No caso do ouro amarelo — que é o mais usado — a liga é feita com cobre e prata. No final teremos uma joia que, digamos, pese 10 gramas dividida da seguinte forma: 7,5 gramas de ouro puro com 1,25 gramas de prata pura e 1,25 gramas de cobre.

prata-pura-granulada-e-lingote-apos-ser-fundida
Prata pura em forma de grãos e o lingote resultante após ser feita a liga e a fundição pronto para ser utilizado na joalheira

No caso do ouro branco a liga é feita nas mesmas proporções, porém o cobre é substituído pelo paládio. Alguns joalheiros utilizam o níquel, mais barato,  mas a liga com níquel é conhecida como uma opção de segunda linha, por isso, normalmente é evitada.

O mesmo raciocínio se aplica a prata cuja a liga é feita apenas com cobre. Uma joia feita com prata 950 significa que em mil partes teremos 950 partes de prata pura somadas a 50 partes de cobre. Dessa forma teremos um metal moldável, porem mais duro, durável e, principalmente, usável.

No Brasil, temos a tradição de usar o ouro 18 kilates, porém, em outros países não é assim. Nos EUA e em alguns países da Europa, é comum o uso do ouro 14 kilates, 11 kilates e até mesmo 9 kilates de forma a se manter a cor do ouro, porém com custo de fabricação e venda menor.

A prata, tanto no Brasil como no mercado internacional, é normalmente usada a 950 ou 925 sendo que, no caso de “prataria pesada”, objetos e utilitários como bandejas, bule e outros normalmente é usada a prata 800 ou 833 para que tenham maior dureza e resistência.

processo-de-solda-durante-a-fabricacao-artesanal-de-uma-bandeja-em-prata
Parte do processo de fabricação artesanal de bandeja em prata onde as partes são soldadas uma a outra

Um comentário em “Por que os joalheiros usam liga nos metais para fazer joias de ouro e de prata?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s